ORGÃOS E AUTARQUIAS

Hospital Municipal Dr. Tabajara Ramos

Criação
O Hospital Municipal de Mogi Guaçu Dr. Tabajara Ramos foi criado pela Lei n° 2.062 de 31 de dezembro de 1986. De natureza autárquica, com personalidade jurídica própria e autonomia administrativa, o Hospital Municipal tem a finalidade de prestar serviços médico-cirúrgicos e passou a entregar o serviço de pronto socorro do então chamado Departamento de Saúde de Mogi Guaçu.


Estrutura
O HM possui uma estrutura bastante diversificada, oferecendo à população atendimento em diversas especialidades, serviço de pronto socorro, além de realizar exames como: eletrocardiograma, raio-X, ultra-sonografia, mamografia e outros. Também são realizadas cirurgias de pequena a média complexidade e oferece o serviço de ambulância.
O HM possui 20 leitos (onco, clínico e cirúrgico) e no dia 26 de junho de 2009 inaugurou mais 26 leitos de primeira linha para atendimento clínico e cirúrgico, totalizando 46 leitos que atendem a população de Mogi Guaçu e região, evitando o deslocamento de pacientes para cidades mais distantes como Campinas e São Paulo.
Estatística
São 8.408 consultas médicas realizadas por mês, em média, nas seguintes especialidades: anestesiologia, cardiologia, gastroenterologia, hematologia, dermatologia, nefrologia, neurologia, oftalmologia, ortopedia, otorrinolaringologia, pneumologia, vascular, urologia e fonoaudiologia.
Dentre eletrocardiogramas, raios-X, ultra-sonografias, análises laboratoriais e outros, são realizados em média 16.303 exames.
O Pronto Socorro faz uma média de 11.363 atendimentos por mês e são realizados mais de 17 mil procedimentos tais como medicações, suturas, curativos, inalações etc.
Outro número que chama a atenção é o do Serviço de Nutrição Dietética. São 3.865 refeições todos os meses.

Estes dados referem-se à média mensal verificada entre janeiro de 2009 a maio de 2009.


Av. Padre Jaime, 1.500 - Planalto Verde, Mogi Guaçu / SP
(19) 3891 9444